Projeto Vida Marinha no Alto Vale

O Projeto Vida Marinha, museu Thais Portela oferece um laboratório móvel dentro de um Container totalmente projetado com todo o conforto de uma sala de aula, com bancos e uma bancada expositora com animais. Onde, de maneira envolvente os alunos têm aulas práticas com biólogos sobre várias espécies marinhas, empalhados, em conserva no álcool e vivas. Os alunos, desta forma, se interessarão pelas informações e entenderão a teoria num contexto prático. Assim, a escola apresenta uma estratégia diferencial de ensino, unindo qualidade, economia e praticidade.

O objetivo deste projeto é ajudar na conscientização ambiental de uma maneira dinâmica, colocando o estudante em contato com animais que muitas vezes são vistos somente em livros, revistas e televisão. O acervo é composto por animais que foram mortos em redes de pescadores, alguns de pesca predatória e outros mortos acidentalmente vítimas de derramamento de petróleo ou lixo, encontrados na beira da praia. Nenhum animal foi morto para compor o acervo e os animais vivos foram comprados em lojas especializadas.

Como funciona:
O projeto é desenvolvido em tempo determinado e facilmente adaptável ao planejamento do professor. Através de uma didática científica e atual, de acordo com a moderna técnica de exposição- pesquisa-ensino, com profissionais especializados na área. O Projeto Vida Marinha possui um programa específico para cada tipo de estudante, como apresentamos a seguir:

– Educação Infantil
Apresentar as diferentes texturas dos animais (escamas, penas, couro, pelo, etc); onde vivem; do que se alimentam; como foram mortos; dar as primeiras noções de educação e impacto ambiental provocado pelo homem (como, por exemplo, as sacolas jogadas na praia e que muitas vezes são confundidas por águas-vivas pelas tartarugas e ingeridas).

– Ensino Fundamental
Fundamentos sobre classificação zoológicas e noções mais aprofundadas sobre educação ambiental, como pesca predatória, invasão de área de manguezais, derramamento de petróleo e poluição marinha.

– Ensino médio e graduação
Classificação zoológica; adaptações dos animais ao meio marinho; aprofundamento sobre impactos ambientais provocados pelo homem.

O museu móvel carregado com animais taximetrizados por um container, é levado em escolas, orientando os alunos em questões ambientais e mostrando os animais que podemos encontrar em seu habitat natural, muitos deles capturados por redes de pescadores, o museu móvel já passou por Rio do Sul, Ibirama e segue destino a Indaial seguindo por Blumenau.

Saiba mais na página do facebook do projeto.